Por Ivan Pessoa

***

Certa vez, em sua luxuosa bengala (cravejada de pedras preciosas) o escritor Honoré de Balzac, afixou: “Je casse tout obstacle.” (‘Eu despedaço cada obstáculo’). Anos mais tarde, como que para endossar a recusa do seu mestre Gustave Flaubert ao nome de Balzac – Franz Kafka reescreveria a frase em carta a Max Brod: “Cada obstáculo me despedaça.” Empenhado em reescrevê-la igualmente, o poeta Paul Valéry alcançaria o sentido insuspeito de uma verdade: “O homem vive à mercê do que encontra.” Tudo o que nos acontece é consequência tanto de fatores imediatamente contingentes ou exteriores, quanto daquilo que somos, de sorte que um obstáculo (por exemplo: uma simples queda) pode denunciar a resistência interior em reconhecer humildemente a si mesmo, ou seja, ver-se apequenado perante a realidade. Quando não, pode favorecer uma humilde autodescoberta, fomentando filosoficamente uma aceitação trágica da vida. Decerto, como os obstáculos do mundo exterior só passam a existir quando assimilados por aquele que sofre – a partir de suas inesperadas manifestações – supõe-se a queda e sua assimilação como coextensivos: em uma partilha de experiências que, quando compreendida, ensina-nos efetivamente a viver. No final das contas, sou levado a crer que todo o encanto desta frase, desde há muito – para ser mais preciso, já em 2500 a.C em Delfos – descansava na proximidade entre: obstáculo, conhecimento e encontro, aliás: “(…). se não encontras dentro de ti mesmo aquilo que buscas, tampouco poderás encontrar fora! Conhece-te a ti mesmo.” Desde então, a caminho de cada obstáculo projeta-se igualmente um oráculo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s